Hibridização entre as subespécies do periquito-estrela: como conseguem manter-se diferentes?

Palestrante: Roberta de Castro Canton

Roberta de Castro Canton, possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e mestrado em Genética, Conservação e Biologia Evolutiva pelo do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa). Atualmente estuda a ocorrência de hibridização e especiação recente de aves amazônicas. Participa do projeto de “Filogeografia de aves Amazônicas e sua relação com a evolução da paisagem”.

Foto Anselmo d’Affonseca

Foto Anselmo d’Affonseca

Segundo a palestrante, na Amazônia, os morfotipos aparentados de aves frequentemente estão isolados e distantes uns dos outros. Sem se encontrarem, eles não realizam trocas gênicas e por isso acumulam diferenças genéticas e se tornam cada vez mais diferentes. O periquito-estrela é diferente: as duas subespécies podem ser encontradas juntas e até hibridizam. Mas se elas conseguem hibridizar, como podem continuar sendo diferentes?

No estudo realizado, foram observadas as morfologias e distribuições geográficas de cada táxon através de coletas de campo, e estudadas as variações genéticas através de métodos de sequenciamento de nova geração (NGS). “Investigamos hibridização entre as duas subespécies para entender como, afinal, esses dois táxons conseguem manter uma divergência morfológica se ocorrem trocas gênicas constantes entre suas populações”, explica a pesquisadora.

O trabalho é produto de dissertação de mestrado junto ao Programa de Pós-Graduação em Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (PPGGCBEV) do Inpa. Foi realizado sob orientação dos Drs. Tomas Hrbek, Mario Cohn-Haft e Camila Ribas e executado no laboratório de Genética e Evolução Animal (LEGAL) da Ufam.

O estudo foi financiado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) por meio do projeto SISBIOTA BIOPHAM. O PPGGCBEV (Inpa) custeou os trabalhos de campo e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) concedeu bolsa de mestrado.