Um espaço de trocas e vivências: articulação de
um grupo de mulheres do Projeto de Assentamento
Água Branca, Manaus, AM

Palestrante: Denise Pescarin Mondini (ESALQ-USP/Musa)

O estágio foi desenvolvido pelo Museu da Amazônia, em parceria com a ESALQ-USP durante o primeiro semestre de 2015, no PA Água Branca, Comunidade Uberê, que fica localizado na zona rural do Município de Manaus (AM).

O Musa atua na Assistência Técnica (ATER) com os agricultores do PA Água Branca desde 2009, para o aprimoramento e práticas agroecológicas. Como as agricultoras fazem parte das atividades produtivas, assim como na permanência e fixação das famílias, foi realizado um trabalho em grupo com elas. As atividades envolveram a facilitação de um espaço para discussão sobre qualidade de vida, empoderamento das agricultoras e valorização de seus conhecimentos, além de demandas diversas, através de ações participativas do grupo de mulheres. As agricultoras do PA Água Branca procuram o fortalecimento e a organização da atividade produtiva em seus lotes, trabalhando a terra para dar alimento e renda para sua família.