Heteropsis flexuosa (Araceae) • Foto Vanessa Gama / Musa

Na Amazônia, as raízes aéreas do cipó-titica são amplamente aproveitadas como fibra natural na elaboração de cestos, vassouras e peneiras. O cipó nasce no solo, e, com a ajuda de suas raízes adventícias, sobe em outra planta (hemi-epífita). Em geral, as árvores são esse suporte (plantas hospedeiras), onde o cipó-titica encontra condições de luz para sobreviver.